segunda-feira, 28 de abril de 2008

FÊNIX


Não sei se fui eu que me queimei...

Ou se foi algum incêndio

Nem sei se sobraram cinzas

...Mas renasço.



Um comentário:

Avarih disse...

E das cinzas ressurge, apenas para nos dar a ansiedade pelos próximos textos!

Hailsa!